Pular para o conteúdo principal

Encontro de autoras do Nós da Poesia: Meire Sateré e Avelin Rosana



Por Avelin Rosana*

Ahhhh!!!! Então foi um reencontro mágico em Belo Horizonte...Saudades, risadas, poesias! Lembramos de uma época em que duas pessoas completamente diferentes viveram sob o mesmo teto...Teto escaldante no calor abafado do norte, a beira do rio Madeira.Ela, Meire Cabral, "Meiroca Sateré", uma menina tímida de lindo sorriso, de coração humilde e força de guerreira típica de seu povo Sateré e eu Avelin Rosana, uma maluca da cidade, tatuada, cheia de neuras que ouvia Janis e Elis e fumava Hollywood de menta. Meiroca me aceitava como eu era, até a fumaça não a incomodava e hoje confessou que gostava dos incensos que eu acendia para disfarçar o fedor do cigarro rs .Amor é assim, estranho, mas forte, rompe barreiras e é inexplicável!

Abaixo o poema de Meire Sateré publicado no livro Nós da Poesia + 20 Nosotros na sua língua e sua tradução para o português.
Wat’i wat at


Ta’i mi’i Tupana wuat’i mesuwarote iminug ko’i toine’en e. 
Tuwewanentup airania  upi 
Tutunug y’y, tutunug iwytu, tutunug yi. 
Wuat’i iminug koi tutunug wateropat hamo 
Tutunug hirokaria at kurin ewy.
Iha hetyhot wywo Tupana hetup 
 Yt watywaure tei’o ai wyria’in 
Tutunug aipy’a nu mehit ewy
Ma’ato  miit’in nu ewy  sese toine’en
Tupana tikye’sat torania miit toweno’e nu kaipyi hap
Wateropat hamo torania iminug koi.
 Wentup yn ni netap toine’en airania wat!


O sol do Universo. (Tradução)

Quando Deus criou o mundo.
Pensou em cada um de nós.
Fez a água, fez  o ar , fez a terra!
Fez o mundo pra gente cuidar...
Fez as crianças como pequenos sóis...
Pedindo com seus olhos brilhantes
Pra que não esquecessemos do próximo
Criou corações de diamantes.
Mas a maioriaSe tornaram pedregosos...
Deus manda que saia vida das pedras, e cuidemos  do mundo
O lar único e nosso!





 *Esse relato foi publicado primeiramente no facebook da Avelin Rosana, socióloga, conselheira do Imersão Latina e integrante do Comitê Mineiro pela causa indígena. É uma das autoras do Nós da Poesia, volumes I, II e especial Nós da Poesia + 20 Nosotros. Meire Sateré foi o destaque indígena da antologia Nós da Poesia + 20 Nosotros, lançada em 2012 na Cúpula dos Povos, durante a Rio + 20.

Aguardem novos lançamentos, encontros e apresentações poéticas do Nós da Poesia este ano. Divulgaremos a agenda aqui neste blog e no site http://www.imersaolatina.com. Acompanhem!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vem aí o Segundo Festival Cultural e Concurso Literário do Sarau da Onça

O II Festival de Arte, Cultura e Concurso Literário Sarau da Onça foi aprovado no edital Setorial de Literatura da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb). “O projeto tem patrocínio do Governo do Estado, através do Fazcultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia”.

O Sarau da Onça divulgará em 10 de janeiro de 2017 um edital que visa selecionar dois poemas de cinquenta autores de Salvador nas categorias: Poesia (quarenta textos de 25 linhas, no máximo) e Conto (dez textos de no máximo 25 linhas) e consequente publicação em 5000 exemplares de uma antologia, sem custo para os participantes, que receberão cinco exemplares cada um, a título de direitos autorais.

Além do concurso literário, serão oferecidas oficinas de teatro, dança, Hip Hop, criação literária, que vão ser ministradas por membros do Sarau da Onça e convidados, com carga horária de quatro horas aos sábados ou domingos, com apresentação de mostras ao final do festival, num grande encontro n…

Geraldo Vandré: Homenagem e reflexão

Por Dava Silveira*

Geraldo Vandré completa 81 anos em 12 de setembro e a questão da ditadura militar parece mais atual do que nunca. 

Estando a história do compositor entrelaçada com esse período da história do Brasil, resolvi selecionar um trecho do meu livro para ilustrar uma das heranças do golpe de 1964: “Geraldo Vandré exemplifica como ninguém os conflitos vividos pelo artista engajado dos anos 60. Influenciado pelas propostas do Centro Popular de Cultura, que pregava a “ida ao povo”, também convivia com a nova forma de articulação da indústria cultural com a música, tornando-a dependente de uma dinâmica mercantil que escapava ao seu controle.

Mas o compositor de “Caminhando” ilustra também o drama pelo qual passaram aqueles que se exilaram após a promulgação do AI-5 e que, ao retornarem, encontraram um país bem diferente. As transformações políticas, econômicas e culturais, provocadas pelo permanente controle do AI-5, tornaram possível a consolidação da indústria cultural, mudando,…

“Santa Leitura” recebe convidados especiais neste domingo e lança concurso de redação

O evento agita a Praça de Santa Tereza e contagia todos que passam por lá No próximo domingo, dia 21 de agosto, o projeto “Santa Leitura”, segue levando cultura, entretenimento e alegria para a praça Duque de Caxias, em Santa Tereza (Praça de Santa Tereza), a partir das 10h, agora no terceiro domingo do mês.

Neste domingo o projeto “Santa Leitura”, que recebeu recentemente o prêmio “Por um Brasil de Leitores”, do Instituto Imersão Latina, receberá as ilustres presenças da escritora e contadora de histórias, Helenice Matias e do cantor Guilherme Mendes, participante do The Voice Kids Brasil. Também neste domingo será lançado o concurso “Vamos falar do Santa Leitura”, onde os frequentadores poderão participar enviando um texto com sua visão sobre o projeto. Três textos serão selecionados e premiados posteriormente. O prazo para entrega dos textos é até dia 18 de novembro de 2016 e o resultado final e premiação serão no dia 18 de dezembro de 2016.


CONCURSO:  VAMOS FALAR DO SANTA LEITURA…