Pular para o conteúdo principal

Nós da Poesia: vozes da rua será lançado na Associação Mineira de Imprensa com música, poesia e exposição fotográfica


O  livro Nós da Poesia: vozes da rua, organizado pelo Instituto Imersão Latina será lançado nesta quinta-feira, 25 de setembro, na Associação Mineira de Imprensa com música, poesia e exposição fotográfica. A programação lembra os 50 anos do golpe militar valorizando a liberdade nas expressões culturais e faz homenagem a artistas como Geraldo Vandré que sofreram com a ditadura no Brasil.

A entrada é franca, mas lembre-se de levar R$ 20,00 para adquirir o livro Nós da Poesia: vozes da rua que será lançado no evento.

A AMI - Associação Mineira de Imprensa fica na rua da Bahia 1450 - Belo Horizonte, Minas Gerais.

Mais informações: (31) 8811-9469
www.nosdapoesia.blogspot.com

Programação:

19h: Abertura da exposição fotográfica Vozes da rua
20h: Show poético-musical com Marcos Assumpção (voz e violão) e Brenda Mars (percussão e poesia)
20h30 Homenagem a Geraldo Vandré com Dalva Silveira
20h40: Sarau aberto com Grupo Nós da Poesia e poetas convidados
21h30: Encerramento:  Cláudio Carvalho (voz e violão): Na Travessia da Vida


Nós da Poesia Vozes da Rua é lançado em Belo Horizonte, depois de participar da Bienal Internacional do Livro de São Paulo
Marcos Assumpção e Brenda Mars
 em lançamento do livro Nós da Poesia: vozes da rua
estande da All Print na Bienal Internacional do Livro de São Paulo

O quarto livro da série Nós da Poesia foi composto em harmonia expressa no multiculturalismo de seus participantes. Cada poeta com sua peculiaridade deixa a sua marca e compõe assim este coletivo. Este
ano de 2014, nesta edição especial,  trazemos o tema: "vozes da rua".

Recebemos a participação de poetas de várias partes do Brasil e de outros países. Lembramos os 50 anos do golpe militar que implantou a ditadura no país e fazemos um paralelo com as lutas por uma democracia
que ainda está em processo. Trazemos textos em homenagem aos que lutam por liberdade e direitos. Temos ainda os destaques: indígenas e "Criança não é Brinquedo" com dizeres poéticos de alunos do Projeto
Reconstruir, poesias do projeto Aspectos Urbanos, da artista Iara Abreu que nos prestigiou mais uma vez com a ilustração da capa e fotos
de fotógrafos ativistas com seus registros de manifestações (vozes das
ruas). Que esta publicação seja como um eco a ressoar as vozes de
todos os que integram esta obra!" 
Brenda Marques Pena, Presidente do Instituto Imersão Latina (Imel) e organizadora da antologia Nós da Poesia.

Participam do livro Nós da Poesia poetas, jornalistas, escritores, artistas plásticos, designers e fotógrafos:


Nós da Poesia: vozes da rua:

Capa: 
Arte final: Beto Ferris, Ilustração: Iara Abreu

Contracapa: Foto Lidyane Ponciano

Poema: Fabrício Marques

Comissão editorial: Brenda Marques Pena, Rosângela Ferris e Iara Abreu

Prefácio: Helen Novais

Homenagens: Dalva Silveira e Carlos Lúcio Gontijo

Autores (poetas): Alexandre Miguel da Silva, Andréa de Azevedo Milanez, Antônio Montes, Avelin Rosana, Bernardo Rodrigues da Silva, Brenda Mar(que)s Pena, Carla Oliveira, Cris Estevão, Daniel de Cullá, Else  Dorotéa Lopes, Euler Campos, France Gripp, Francirene Machado, Gilson Moura Castro, Guido Campos, Helenice Maria Rocha, João Manoel Lourenço, Luana Maria Cavalcanti Bispo, Lúcio Toscano Lobo Vitor, Luiz Otávio Oliani, Márcia Wayna Kambeba, Marcão Aborígini, Márcio José Fazenda de Souza, Maria Gabriela Saldanha Nunes, Nivaldo Francisco de Miranda, Olga Valeska, Paulo José de Oliveira (PAJO), Paulo de Tárcio Andrade Nogueira, Paulo Sacaldassy, Pedro Du Bois, Pilar Rodriguez Aranda, Raimon Alves, Rosangela Ferris, Shirley Otoni Neiva Prata, Vicente Ferrer Lima Júnior, Zé Abreu (José Gouveia Abreu).

Autores (fotógrafos): Lidyane Ponciano, Iara Abreu, Brenda Mars e Nelson Pombo Jr.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Geraldo Vandré: Homenagem e reflexão

Por Dava Silveira*

Geraldo Vandré completa 81 anos em 12 de setembro e a questão da ditadura militar parece mais atual do que nunca. 

Estando a história do compositor entrelaçada com esse período da história do Brasil, resolvi selecionar um trecho do meu livro para ilustrar uma das heranças do golpe de 1964: “Geraldo Vandré exemplifica como ninguém os conflitos vividos pelo artista engajado dos anos 60. Influenciado pelas propostas do Centro Popular de Cultura, que pregava a “ida ao povo”, também convivia com a nova forma de articulação da indústria cultural com a música, tornando-a dependente de uma dinâmica mercantil que escapava ao seu controle.

Mas o compositor de “Caminhando” ilustra também o drama pelo qual passaram aqueles que se exilaram após a promulgação do AI-5 e que, ao retornarem, encontraram um país bem diferente. As transformações políticas, econômicas e culturais, provocadas pelo permanente controle do AI-5, tornaram possível a consolidação da indústria cultural, mudando,…

Invitación a los escritores latinos a participar de la edición Nós da Poesia y Nosotros

INVITAMOS A LOS ESCRITORES LATINOS A PARTICIPAR DE LA EDICIÓN DE NÓS DA POESIA Y NOSOTROS EN QUE LA TEMÁTICA ES CONTRA EL INDIVIDUALISMO, EN UNA PROPUESTA DE MIRARMOS NUESTROS HERMANOS DE LATINOAMERICA.
Estamos utilizando la metáfora “el azúcar del vecino”, como algo que siempre tenemos que cooperar entre nosotros y ver desde el otro que está el lado, próximo como un amigo y hermano. Pueden enviar un poema o cuento poético hasta 3 páginas al máximo y una biografia de hasta 5 lineas para nosdapoesia@gmail.comesta semana, hasta viernes día 17.
La edición estará lista para el dia 23 de abril en Brasil, cuando es el lanzamiento en Bienal del Livro de Minas Gerais, en Belo Horizonte y luego en Encuentro Literário de Mercosur y Encuentro Latinoamericano Abrazo de Voces en Argentina.  (En Argentina se quiera y se puedes estar en esa fecha del final de abril, puedes participar de las actividades del encuentro y podemos incluso presentar algo juntos se quieres). Será muy bueno! Estuve año pasa…

“Santa Leitura” recebe convidados especiais neste domingo e lança concurso de redação

O evento agita a Praça de Santa Tereza e contagia todos que passam por lá No próximo domingo, dia 21 de agosto, o projeto “Santa Leitura”, segue levando cultura, entretenimento e alegria para a praça Duque de Caxias, em Santa Tereza (Praça de Santa Tereza), a partir das 10h, agora no terceiro domingo do mês.

Neste domingo o projeto “Santa Leitura”, que recebeu recentemente o prêmio “Por um Brasil de Leitores”, do Instituto Imersão Latina, receberá as ilustres presenças da escritora e contadora de histórias, Helenice Matias e do cantor Guilherme Mendes, participante do The Voice Kids Brasil. Também neste domingo será lançado o concurso “Vamos falar do Santa Leitura”, onde os frequentadores poderão participar enviando um texto com sua visão sobre o projeto. Três textos serão selecionados e premiados posteriormente. O prazo para entrega dos textos é até dia 18 de novembro de 2016 e o resultado final e premiação serão no dia 18 de dezembro de 2016.


CONCURSO:  VAMOS FALAR DO SANTA LEITURA…